Redação Afya - out 22, 2020

Vídeo currículo: saiba o que é e descubra oito passos para gravá-lo

O vídeo currículo para entrevistas de emprego tem ganhado cada vez mais espaço nos processos seletivos. Ele consiste em um vídeo curto em que o candidato conta um pouco de si e de suas experiências profissionais. Por serem mais pessoais do que um arquivo digital, esses vídeos acabam funcionando como forma de otimizar e facilitar os processos seletivos, já que o recrutador pode conhecer melhor o candidato.

Vale lembrar, porém, que eles não necessariamente eliminam etapas importantes como algumas entrevistas presenciais ou dinâmicas em grupo. Além disso, é importante que os candidatos só enviem esse mecanismo caso ele tenha sido solicitado pelo processo seletivo.

Para criar um bom vídeo-currículo, é fundamental se preparar antes, estando atento(a) a alguns tópicos importantes. Continue a leitura para conhecê-los!

1- Se atente ao ambiente

O ambiente onde você gravará seu vídeo poderá fazer toda a diferença para o seu desempenho. Lembre-se: o foco precisa ser você. Quaisquer elementos que tirem a atenção do espectador, ou até mesmo a sua, podem prejudicar a sua gravação.

Dê preferência para um local iluminado, organizado, sem distrações, silencioso e, preferencialmente, no qual você esteja sozinho. Dessa forma, você se sentirá mais à vontade e provavelmente não será interrompido(a).

2- Se mantenha confortável

Escolher um ambiente que traga tranquilidade e conforto é fundamental. Você precisa se sentir acolhido e seguro para, dessa forma, se manter calmo e transmitir essa segurança durante a sua gravação. Além disso, manter uma postura anatomicamente correta ajuda a passar uma boa impressão.

3- Faça testes

Antes de iniciar as gravações, é importante fazer testes, certificando-se de que é possível escutar a sua voz com clareza, bem como de que sua imagem está nítida e focada em você. Lembrando que é interessante gravar o vídeo na orientação horizontal.

4- Estude a empresa

Tendo um domínio melhor sobre a cultura dela, você pode adaptar seu discurso ao que fizer mais sentido para a vaga. Dessa forma, seus depoimentos serão muito mais assertivos. Além disso, demonstrar interesse pelos valores da empresa e conhecimento sobre eles pode ser um bom diferencial aos olhos dos recrutadores.

5- Leve a sério

Para gravar o seu vídeo, é importante ter em mente que ele deve ser levado tão a sério quanto uma entrevista presencial, por exemplo. Logo, a sua apresentação e o seu comportamento durante a gravação devem ser os mesmos.

Para isso é essencial estudar a empresa, como mencionado no passo anterior. Sabendo mais sobre sua cultura, você poderá se adequar melhor a ela. Isso serve para desde o traje que vestirá até a forma como você se portará e se expressará durante a entrevista.

A linguagem usada em suas falas também deverá se adaptar ao estilo da empresa. Atenção: lembre-se de ter cuidado com os erros de português e com as gírias!

6- Elabore um roteiro

Antes de começar a gravar seu vídeo, o ideal é que você construa um roteiro do que irá falar e pratique a sua apresentação com base nele. Isso te ajudará a se expressar com maior clareza e segurança.

É importante caprichar na parte inicial, usando-a como mecanismo para captar a atenção do espectador. Falar um pouco sobre você é uma boa forma de começar a gravação. Em seguida, conte mais sobre suas experiências profissionais e como elas podem ser positivas para a empresa (se ainda não tiver vivido nenhuma, vale mencionar as atividades extracurriculares.).

Encerre falando sobre os seus diferenciais e motivos pelos quais a empresa deve te contratar. Mencione também porque você gostaria de ser selecionado para trabalhar na organização. Lembrando que, para estruturar suas ideias ao longo do roteiro, você pode usar estratégias como o storytelling (técnica fundamentada na contação de histórias para transmitir uma mensagem).

7- Se planeje

Para estruturar o seu discurso, lembre-se de se planejar em relação ao tempo e manter um equilíbrio. Se houver um tempo estipulado pela empresa, não deixe de segui-lo. Se a apresentação for livre, procure não se alongar muito: apesar de variar, normalmente o tempo ideal de um vídeo currículo é de aproximadamente um minuto e meio.

Esse vídeo é o momento que você tem para falar o que pode não ter conseguido mencionar no currículo. No entanto, vale à pena também instigar certa curiosidade nos recrutadores, para que eles busquem conhecê-lo melhor nas próximas etapas.

8- Pratique

Não é recomendado ler o seu roteiro diante das imagens, portanto, ensaie para memorizá-lo (mas lembre-se: nada de deixar o vídeo muito decorado e artificial!). Isso pode ser feito falando para alguém ou até mesmo olhando para a câmera.

Quanto mais você praticar e repetir o discurso elaborado, mais chances terá de se sair bem quando a tentativa for para valer. Se necessário, vale também usar um cronômetro para controlar o tempo.

Agora que você já sabe as dicas para gravar um bom vídeo currículo, mecanismo que tem se tornado cada vez mais usado em processos seletivos, que tal entender melhor sobre os desafios da escolha profissional na sua vida?

Escrito por Redação Afya

    Banner_BlogVest (1)