Redação Afya - mar 19, 2021

Transição de carreira: saiba quando e como enfrentar esse desafio

Se você está no mercado de trabalho há muito tempo, provavelmente já passou por momentos de desânimo e se sentiu desmotivado em alguma ocupação profissional, não é mesmo? Ainda que esses instantes sejam comuns às vezes, é importante avaliar se eles têm se tornado frequentes, algo rotineiro. Em caso positivo, talvez seja o momento para avaliar uma transição de carreira, afinal, sempre é tempo de buscar a felicidade.

Ainda que fazer isso em uma idade avançada seja considerado arriscado por muitos, não deve ser uma hipótese descartada. Todos merecem se sentir realizados profissionalmente, independentemente de quantos anos tenham. É importante, porém, se atentar a algumas dicas para que esse processo de transição seja feito de forma cautelosa e planejada. Que tal conferir essas orientações e outras informações sobre o tema? Leia o texto e saiba mais!

Transição de carreira: por que é feita?

Existem muitos motivos para fazer a transição de carreira. As razões mais comuns pelas quais esse processo é desejado são: má remuneração, falta de perspectiva de crescimento e descoberta de novos interesses.

Vale lembrar, porém, que qualquer insatisfação é válida a partir do momento em que sua motivação e produtividade passam a ser afetadas. Além disso, não existe idade certa para passar por esse momento: nunca é tarde demais quando o assunto é a busca pela realização profissional.

Devo realmente passar por ela? Se sim, como?

A transição de carreira não é uma passagem fácil, tão pouco rápida. Para que você tenha certeza de que deseja enfrentar esse desafio, é essencial adotar algumas medidas que farão a diferença. Caso você chegue à conclusão de que precisa passar por esse processo, elas te ajudarão a conduzi-lo da melhor forma possível.

Se planeje financeiramente

Fazer uma transição de carreira pode gerar algumas despesas extras. Tudo dependerá da forma como você conduzirá esse processo. Algumas pessoas, por exemplo, preferem juntar finanças durante um período para depois se dedicarem exclusivamente à troca de carreira, mesmo que isso signifique ficar um tempo sem alocação profissional. Ao mesmo tempo, outras preferem conciliar o emprego atual com o processo de busca por novas oportunidades, realizando-os simultaneamente

Além disso, é necessário considerar também que, para a transição de carreira, em alguns casos é preciso investir em cursos, compra de livros/materiais didáticos e outras formas de capacitação. Isso acontece pois será necessário se atualizar e se preparar para a nova especialidade desejada.

Procure o auxílio de um profissional

O processo de transição de carreira é uma decisão importante, capaz de afetar vários aspectos da sua vida: desde o profissional até o pessoal. Pela relevância da decisão, é interessante solicitar o auxílio de um profissional, que pode ser desde um(a) psicólogo(a) até um trabalhador especializado em gestão de carreira.

Ele saberá te orientar de modo que a sua escolha seja feita com cuidado e sabedoria. Além disso, te ajudará a entender qual área tem mais a ver com você. Considere essa possibilidade!

Converse com profissionais do ramo almejado

Para saber se a área que almeja é a ideal para você, conversar com profissionais que atuam nela pode ser fundamental. Ouvindo relatos e experiências reais, você poderá ter uma maior noção sobre o ramo, bem como certeza se ele é realmente o certo para você. Além disso, essa é uma ótima forma de criar uma rede de contatos, que terá a sua importância mencionada no próximo item.

Invista no Networking

Manter uma rede de contatos é interessante pois, independentemente da área onde você estiver atuando, sempre poderá contar com o apoio das suas relações profissionais para uma possível realocação. Você pode ampliar a sua teia de contatos participando de cursos, seminários e se abrindo para conhecer melhor as pessoas do seu trabalho. Que tal começar agora mesmo?

Entenda melhor a troca de carreira

Além de conversar com atuantes na área desejada, é interessante entrar em contato com profissionais que já passaram pela transição de carreira, principalmente aqueles que fizeram isso em idade mais avançada.

Uma conversa com essas pessoas te ajudará a entender melhor as dificuldades, vantagens, obstáculos e detalhes sobre o processo. Dessa forma, você poderá ponderar se o seu desejo é realmente passar por ele. Em caso afirmativo, estará ainda mais preparado para enfrentá-lo.

Escreva os prós e contras

Antes de decidir qual será a sua nova carreira, faça uma lista de prós e contras. Nela, devem estar inclusas as vantagens, desvantagens, insatisfações e pontos positivos não apenas da sua ocupação atual, como também daquela que tem em mente.

A partir dessa estratégia, você poderá visualizar melhor se realmente deseja passar por uma transição. Também ficará mais claro quais as características você procura em um emprego.

Esqueça os números

Um dos segredos para fazer uma transição de carreira de sucesso é não se prender aos números da idade, afinal, o aspecto decisivo para o seu êxito é a determinação que aplicará no processo. Com dedicação, força de vontade, foco e planejamento, você poderá alcançar resultados tão bons quanto qualquer outra pessoa pertencente a uma faixa etária mais reduzida.

Quais as vantagens do processo?

Trabalhando em uma ocupação que te traga realização profissional, você estará imergindo em um ciclo: se sentindo realizado, você se tornará mais produtivo e, provavelmente, obterá resultados melhores.

Alcançando bons rendimentos, por sua vez, você terá ainda mais motivos para se empolgar com o seu emprego e dar continuidade ao ciclo.

As vantagens da transição de carreira vão além do âmbito profissional. Tendo a sensação de maior realização e satisfação na sua ocupação, você desfrutará de mais momentos de felicidade e satisfação na vida, tornando-a mais leve e despreocupada.

Agora que você já descobriu como passar por uma transição de carreira e sabe que não há idade certa para enfrentar esse desafio, que tal aproveitar o seu tempo para conhecer melhor as Soft e Hard Skills?

Importantes no mercado de trabalho, essas habilidades técnicas consistem em critérios usados pelos recrutadores para selecionar novos colaboradores.

Conhecê-las e aprimorá-las pode ser uma forma de garantir a sua vaga no mundo profissional. Entenda-as melhor clicando aqui!

Escrito por Redação Afya

    Banner_InfoEnem

    Categorias

    Veja todos