Redação Afya - jul 22, 2020

Graduação em Radiologia: como é o curso?

Antes de detalhar como é o curso de Radiologia, queremos compartilhar um pouco da sua história. Vamos lá?

Segundo a SPR (Sociedade Paulista de Radiologia e Diagnóstico por Imagem), a história da Radiologia surgiu em 1985 com a descoberta experimental dos raios X pelo físico Wilhelm Conrad Roentgen.

Com isso, as aplicações médicas desta descoberta revolucionaram a medicina, porque após a descoberta, se tornou possível a visualização do interior dos corpos dos pacientes. Com o passar dos anos, o método evoluiu e se tornou referência na pesquisa diagnóstica do ser humano.

A primeira radiografia foi realizada em 22 de dezembro de 1895. Neste dia, Roentgen pôs a mão esquerda de sua esposa Anna Bertha Roentgen no chassi, com filme fotográfico, fazendo incidir a radiação oriunda do tubo por cerca de 15 minutos. Revelado o filme, lá estavam, para confirmação de suas observações, a figura da mão de sua esposa e seus ossos dentro das partes moles menos densas.

primeiraradiografia_Wilhelm_Röntgen_of_Albert_von_Köllikers_handFonte: Google - A primeira Radiografia

No Brasil, a primeira radiografia realizada foi em 1896. A primazia é disputada por vários pesquisadores: SILVA RAMOS, em São Paulo; FRANCISCO PEREIRA NEVES, no Rio de Janeiro; ALFREDO BRITO, na Bahia; e físicos do Pará. Como a história não relata dia e mês, conclui-se que as diferenças cronológicas sejam pequenas.

Agora que você já conhece um pouco mais do contexto histórico da Radiologia, avançamos para conhecer como é o curso.

Radiologia: o que é?

A Radiologia é uma especialidade das Ciências Médicas, uma técnica de imagiologia, que utiliza a radiação ionizante, que é o mesmo que os raios X. O objetivo principal da Radiologia é obter imagens de diferentes estruturas da anatomia humana ou animal.

Esta técnica de exame médico é indicada para o alcance de imagens do esqueleto, dos pulmões, da cavidade abdominal ou dos seios. Sendo assim, obtém-se imagens do interior do corpo humano ou animal, permitindo a análise de todo o material fotografado.

A Radiologia também é utilizada para fins de diagnóstico e, até mesmo, cura de algumas patologias – permite o tratamento de alguns tipos de câncer, utilizando-se, nesse caso, o conhecido tratamento de Radioterapia. 

Curso de Radiologia

O curso de Radiologia é tecnólogo com duração de 3 anos. Os profissionais utilizam equipamentos de alta tecnologia voltados para tratamentos e diagnósticos por imagem dos pacientes.

Na grade curricular, dentre os conteúdos ministrados, há todas as disciplinas de base, como anatomia humana e radiológica. O curso apresenta as formas de energia e estrutura da matéria, física das radiações para a compreensão do mecanismo de atuação da radiação.

Além disso, os alunos estudam também as aplicações da radiação nas áreas de radiodiagnóstico:

  • Radiologia Convencional;
  • Contrastada e Hemodinâmica;
  • Radiologia Odontológica;
  • Mamografia;
  • Densitometria Óssea;
  • Tomografia Computadorizada;
  • Ressonância Magnética.

Na área terapêutica há o estudo da Medicina Nuclear e Radioterapia. Além dessas áreas, também são estudadas:

  • Radiologia Industrial;
  • Radiologia Veterinária;
  • Radioproteção e segurança por meio das normas regulamentadoras da ANVISA e CNEN.

A grade curricular também contempla disciplinas de ética, empreendedorismo e outras áreas de conhecimento que promovem o crescimento intelectual e tecnológico do aluno.

O que faz um tecnólogo em Radiologia?

Como Tecnólogo(a) em Radiologia você terá como principal atividade o preparo e operação dos equipamentos de diagnóstico por imagem. Esses equipamentos são fundamentais na medicina moderna, porque possuem a garantia de auxílio para os médicos detectarem doenças por meio de imagens internas do organismo dos pacientes.

O preparo do ambiente para a execução do exame será de responsabilidade do tecnólogo(a) em Radiologia e envolve o manuseio de soluções químicas, como a utilização de meios de contrastes radiológicos e a observação das normas de radioproteção. O tecnólogo(a) em Radiologia também participará da preparação do paciente para exames como: mamografia, radiografia convencional, ressonância magnética e tomografia, dentre outros.

A Radiologia permeia hoje não apenas no ramo médico. Seus equipamentos também são utilizados dentro da área industrial e da Engenharia. Com eles, é possível, por exemplo, fazer o rastreamento de tubulações e estruturas metálicas que se encontram escondidas sob o concreto.

Habilitação do tecnólogo em Radiologia

O profissional é habilitado a trabalhar com radiologia médica nas diferentes áreas da Imagenologia, na Radiologia Forense, Veterinária e Industrial. O tecnólogo em Radiologia poderá exercer a docência em escolas técnicas de nível médio e/ou seguir para a pesquisa.

No Uninovafapi são desenvolvidas atividades de extensão relacionadas às aplicações das Radiações fomentando no aluno a busca constante pela pesquisa.

As áreas de atuação no mercado de trabalho para o tecnólogo em Radiologia são:

  • Radiodiagnostico;
  • Radioterapia;
  • Medicina Nuclear;
  • Radiologia Forense;
  • Radiologia Industrial (Supervisor de Radioproteção CNEN);
  • Radiologia Veterinária;
  • Docência e Pesquisa.

Quer conhecer outros cursos de graduação e possíveis carreiras? Envie no comentário a sua sugestão!

Escrito por Redação Afya

    Banner_BlogVest (1)