Pedro Ramos - abr 1, 2020

Entenda porque o networking é fundamental para uma formação acadêmica

Você já ouviu falar em Networking? Sabe o que é e como você pode se beneficiar profissionalmente dele? Se você ainda não está familiarizado com este termo, está na hora de incluir essa palavrinha em seu vocabulário! 

Ele pode influenciar sua formação acadêmica, suas experiências, seu desempenho na faculdade e no mercado de trabalho.

Nova call to action

Provavelmente você tem uma rede particular de amigos. Você utiliza essa rede somente para socializar e para momentos de diversão? E se você trocasse experiências e informações sobre estudos e trabalho? 

Que tal conseguir uma vaga em um intercâmbio fora do país e ter experiências incríveis para incluir em seu currículo? Abrir a porta para relacionamentos focados em trabalho pode fazer com que você fique sabendo, por exemplo, de vagas de emprego e estágio, que você não saberia se não fossem esses contatos. 

Fazer Networking é exatamente isso: iniciar e manter relacionamentos para tratar de assuntos relacionados a estudos e trabalhos, de maneira que ambos se beneficiem. Da mesma forma que você pode conseguir um estágio, pode também conhecer e indicar um colega para uma vaga na empresa onde você está. Muitas companhias atualmente valorizam indicações, inclusive com bonificações em dinheiro quando a contratação é assertiva. 

Então fique atento a esse texto e confira como ter mais sucesso na sua carreira investindo em Networking!

 

Onde fazer Networking?

É possível fazer Networking em canais digitais e também presencialmente. O ideal é diversificar a maneira como você se relaciona com as pessoas. Pela internet, uma ótima forma de fazer Networking é pelo Linkedln. Mais do que uma rede social para cadastrar seu currículo, é uma plataforma que conecta pessoas e é bastante utilizada para compartilhar conteúdos profissionais. 

Pelo Linkedln, você pode produzir e publicar textos, mostrando seu conhecimento e seu ponto de vista sobre os temas que lhe interessam, assim como compartilhar materiais de outros profissionais que você acompanha e com quem se identifica. 

Além disso, as pessoas que estão conectadas a você podem recomendar suas habilidades e dar depoimentos sobre sua atuação profissional. Atualmente, no mercado de trabalho a maioria das empresas consulta essa rede social nos processos de seleção, ter um perfil ativo, com boas conexões e recomendações é excelente para que você consiga uma vaga de estágio ou trabalho.

Networking

Como fazer Networking?

Mas é importante não se limitar aos canais digitais para fazer Networking. Encontrar pessoas em eventos como congressos e feiras profissionais ou acadêmicas, e participar de grupos de pesquisa ou trabalho em associações de classe, por exemplo, são ótimas formas de construir relacionamentos. 

Muitas vezes, uma conversa olho no olho vale mais que um e-mail. E não se engane. Fazer Networking não é simplesmente trocar cartões uma vez na vida e nunca mais falar com a pessoa. É preciso ter um contato periódico.

Identifique pessoas no seu círculo de amizades e trabalho que possam lhe oferecer boas oportunidades profissionais, seja com uma vaga de emprego ou apenas por meio do conhecimento que essas pessoas possuem e transmitem a você, e convide-as para um café ou um almoço. 

Demonstrar interesse e também agregar valor à relação é muito importante. Não se comporte como se quisesse apenas “sugar” seu contato. Contribua com o seu conhecimento, trocando informações. 

Para fazer Networking, você não necessariamente precisa investir muito dinheiro. É muito mais importante ter disposição e tempo. Invista em bons relacionamentos profissionais e você verá quantas vantagens essa atitude lhe trará. 

Mesmos se você ainda não tem certeza de qual carreira seguir, comece a fazer Networking buscando os profissionais que você admira. E para saber mais e se conhecer melhor, confira também nosso e-book: Como saber qual é sua profissão ideal?

CTA LP AFYA E-book Profissão Ideal

Escrito por Pedro Ramos