Redação Afya - ago 3, 2020

Enem e vestibular: vale a pena fazer quando não escolheu o curso?

Com as novas datas das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) previstas para dia 17 de janeiro 2021, e o segundo dia de provas, no dia 24 de janeiro 2021, e com vestibulares já agendados nas universidades do país, alguns estudantes ainda possuem algumas dúvidas sobre a profissão que devem escolher e, também, se escolhem fazer o Enem ou Vestibular.

Você faz parte desta lista? Fique calmo! Deu para perceber que é uma dúvida comum, por isso, listamos abaixo algumas informações que poderão ajudar na decisão.

Enem ou Vestibular: qual devo fazer?

A resposta para a pergunta acima, depende do que você pretende seguir para entrar na faculdade, no entanto, Enem ou Vestibular, ambos têm suas vantagens.

Em resumo, a nota do Enem é utilizada em diversos processos seletivos no Brasil, o que torna uma opção com destaque, porque proporciona também alguns benefícios. Atualmente, a modalidade Vestibular é uma opção escolhida por quem deseja entrar em universidades e cursos específicos.

Enem

Segundo o portal Educa Mais Brasil, o Enem surgiu em 1998, com o principal objetivo de avaliar o desempenho dos alunos na fase de conclusão do ensino médio. Em 2004, ocorreram mudanças, e a prova passou a ser utilizada como alternativa de entrada em instituições do ensino superior e, em 2010, com a inclusão no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), ganhou o reconhecimento de maior completo exame educacional do país.

Com a nota do Enem você poderá:

  • Ganhar uma bolsa de estudos;
  • Financiar os estudos – a nota é utilizada como critério para seleção do Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) do Governo Federal;
  • Complementar a nota do vestibular tradicional;
  • Entre outros.
Vestibular

Durante muito tempo, os vestibulares foram o modo de ingresso padrão no curso superior, mas após a consolidação do Enem, diversas instituições eliminaram esse modelo de processo seletivo. No entanto, nas instituições particulares, o vestibular continua ativo e, em geral, é  a opção de ingresso com o formato tradicional ou agendado.

O diferencial dos vestibulares comparado com o Enem, é que possui um direcionamento específico. Para prestar o vestibular, o estudante faz a inscrição com dados sólidos como: em qual universidade e curso realizará a prova para disputar a vaga.

Se após entender quais os principais diferenciais do Enem e Vestibular, ainda restar a dúvida se é uma boa opção cursar, mesmo sem a definição do curso, temos um conselho: vale a pena fazer o Enem, ou até mesmo o vestibular, para se familiarizar com o tipo de processo seletivo e testar os seus conhecimentos. E, se precisar de mais alguns conteúdos, selecionamos aqui:

Baixe o E-book ‘Humanas, Exatas ou Saúde: o que você precisa saber para escolher qual área seguir?’

Como tirar nota máxima na redação do Enem?

Escrito por Redação Afya

    Banner_BlogVest (1)