Redação Afya - fev 16, 2022

5 cursos que estão valorizados no pós-pandemia

A pandemia interrompeu mercados de trabalho no mundo inteiro durante 2020, estabelecendo novas regras. A começar pelo isolamento social que, depois, foi flexibilizado para ‘distanciamento’, entre muitas outras diretrizes sanitárias, cujas implementações encareceram produtos e serviços. De repente, milhões de pessoas perderam seus empregos, principalmente nos setores de turismo e entretenimento. Mas enquanto alguns cargos chegaram a ser extintos, nós também pudemos ver o surgimento de novas profissões.

É sobre estes postos de trabalho, mais especificamente dos que se mantiveram em movimento crescente após a expansão da vacinação, que nós falaremos neste artigo. Afinal, um dos critérios mais importantes na hora de escolher uma graduação é a empregabilidade, não é mesmo? Então, continue lendo para melhor selecionar suas opções.

Engenharia Mecânica

Historicamente, a substituição da mão de obra humana por maquinários e a reestruturação dos processos de trabalhos foram as principais soluções que as mais variadas empresas encontraram diante às recessões econômicas anteriores. Em contrapartida, para que estas mudanças sejam feitas, alguns profissionais tornam-se extremamente necessários, como os engenheiros mecânicos serão daqui pra frente.

Segundo um relatório da McKinsey & Company, realizada com 800 executivos seniores em 2020, mais da metade afirmou que estavam intensificando seus investimentos em automação e Inteligência Artificial. Além disso, os números de produção de robótica na China também superaram os níveis pré-pandêmicos no mesmo período.

Boa parte do aumento registrado deveu-se à necessidade de evitar aglomerações em supermercados e fábricas, por exemplo. No entanto, a praticidade de registrar os próprios produtos e finalizar uma compra sem entrar em contato com ninguém parece ser uma tendência que permanecerá no futuro. E, quem garante o bom funcionamento de tais máquinas, de seu desenvolvimento à execução, são os engenheiros.

Aqui estão outros cargos que podem ser exercidos por este profissional:

  • Supervisor de manutenção;
  • Gerente de produção;
  • Analista de investimentos;
  • Consultor de negócios.

Sistemas da Informação

A primeira lei básica da economia é a de escassez. A partir dela, preços são estabelecidos de acordo com as variações entre oferta e demanda. Logo, já mais do que esperado que profissões especializadas em tecnologia fossem cada vez mais valorizadas desde o advento da internet. Porém, quando a pandemia obrigou todo mundo a aderir ao home office e/ou a digitalizar suas empresas e instituições, a balança do mercado se desequilibrou.

Em paralelo, a expansão digital dentro das empresas trouxe à tona a questão da segurança virtual. Mas a prevenção contra ataques cibernéticos também faz parte dos conhecimentos adquiridos pelos bacharéis em Sistemas da Informação. Assim, a criação de uma única vaga em tecnologia foi e continuará sendo capaz de desdobrar-se em várias outras.

Estes profissionais também são responsáveis por desenvolver os sistemas que comandam as máquinas e os robôs projetados pelos engenheiros mecânicos, sobre os quais falamos anteriormente. Mais adiante, você verá mais interconexões no mercado de trabalho, inclusive, entre cursos de Exatas, Humanas e até Biológicas.

Veja quatro profissões para se construir uma carreira próspera:

  • Desenvolvedor Front-End, Back-End e Full Stack;
  • Arquiteto de soluções;
  • Pentester ou “hacker do bem”;
  • Engenheiro de dados.

Publicidade e Propaganda

Vivemos em um mundo no qual a presença virtual vale mais do que o olho no olho e, na prática, os negócios que não se adéquam a esta realidade estão fadados a permanecerem pequenos. Enquanto antigamente várias lojas disputavam um espaçozinho no centro das cidades, para serem vistos por centenas de pedestres, hoje o mais importante é estar localizado na primeira página do Google, onde o público passa da casa dos milhares!

Nesse sentido, o profissional formado em Publicidade e Propaganda, com foco em marketing digital, caminha de mãos dadas com quem dedica seus dias às profissões citadas no item anterior. Afinal, não adianta ter planejamento, estratégia e produção de conteúdo para crescimento on-line e vendas sem um site onde os usuários possam acessá-los.

Além disso, com o aumento da concorrência devido à globalização, empresas de todos os

ramos econômicos precisam estar constantemente investindo no setor de relacionamento ao cliente para que estes tenham a melhor experiência possível. Seja on-line ou em suas lojas físicas.

Abaixo listamos as profissões cuja demanda está em crescimento:

  • Gerente de e-commerce;
  • Assistente de marketing;
  • Coordenador de produtos digitais;
  • Analista de CRO.

Psicologia

De acordo com o Business Insider, profissionais qualificados a tratar casos de dependência química, de transtornos comportamentais e de doenças mentais terão alta demanda pelo menos até 2029. Esta previsão faz bastante sentido quando analisamos alguns dados atuais da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Por exemplo, temos a depressão entre os principais fatores de incapacidade e o suicídio sendo a segunda principal causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos no mundo. Nesse sentido, a conscientização sobre a importância da saúde mental e os esforços de órgãos públicos e privados para ampliar o seu acesso à população são fundamentais à erradicação destes problemas. Uma vez que este trabalho for cumprido, haverá mais vagas para psicólogos no mercado.

Caso atuar com estes temas sensíveis em larga escala não seja do seu interesse, há outras carreiras em psicologia que nunca deixarão de ser necessárias na sociedade. Veja algumas a seguir:

  • Psicólogo do esporte;
  • Orientador vocacional em escolas;
  • Recrutador ou “head hunter”;
  • Professor universitário.

Enfermagem

Em 2020, o World Economic Forum trouxe uma nova perspectiva para o setor da Saúde. Segundo a publicação, serão necessários quase seis milhões de enfermeiros até 2030 para garantir que os padrões de cuidado voltem a subir após a pandemia. Isto é, tudo indica que o futuro trará mais oportunidades de emprego e uma valorização da profissão.

Assim, também é bem provável que existam mais incentivos financeiros para que profissionais já atuantes retornem às universidades para adquirir níveis mais elevados de educação. Isso porque, para que a área cresça, são necessários professores competentes e atualizados em sala de aula.

Como você deve imaginar, a inserção de softwares de gerenciamento e aparelhos de diagnóstico por imagem, entre outras ferramentas, será comum no futuro. Mas isso não quer dizer mais máquinas e menos enfermeiros de carne e osso. Na prática, as tecnologias biomédicas, de comunicação e de informação são aliadas à administração de cuidados e servem para tornar a rotina destes profissionais mais fácil e suas decisões, mais assertivas.

Entre as carreiras com maior tendência de crescimento estão:

Pronto para transformar o mundo?

De acordo com um estudo publicado em 2020, cerca de 50% dos brasileiros estava planejando mudar de carreira após a pandemia. Este cenário pode parecer assustador aos jovens que acabaram de sair da faculdade e estão à procura da primeira oportunidade.

Competir com profissionais que possuem anos de experiência é realmente desafiador em muitos aspectos. No entanto, pertencer à Geração Z é um trunfo que ninguém pode tirar de você! Os nascidos entre 1995 e 2010 aprendem mais rápido, têm intimidade com o digital e um senso de propósito único, que já está iniciando revoluções.

Portanto, acredite no seu potencial e invista em uma graduação. A Afya está do seu lado para que seus sonhos tornem-se realidade e, com essa energia, você estará sempre um passo a frente dos seus concorrentes.

Inscrições abertas até março:

Escrito por Redação Afya

    Assine e mantenha-se informado!

    Receba mensalmente os assuntos mais acessados no nosso Blog.

    banners-05