Redação Afya - abr 1, 2021

Conheça os critérios do MEC para dar nota a cursos e instituições

Ingressar em uma faculdade é um grande desafio. Além de decidir qual graduação você irá cursar, precisa, ainda, se certificar de que escolherá a instituição de ensino certa. Nesse momento decisivo de procura e escolha, contar com as avaliações desenvolvidas pelo Ministério da Educação (MEC) pode ser uma boa solução. Capazes de mensurar o desempenho de cursos e faculdades, elas fornecem resultados seguros e precisos que podem servir como um parâmetro de seleção.

Para que um curso seja validado, é necessário que ele seja submetido a diversos processos. Além disso, depois da aprovação, as avaliações continuam. Entender por completo os métodos avaliativos usados nesses procedimentos é uma forma não apenas de ficar por dentro do que acontece no mundo acadêmico, mas também de se guiar nesse momento de dúvida para a escolha do curso certo e da instituição ideal. 

Por quais avaliações um curso passa?

Após ser criado, para que um curso tenha início, ele deve ser submetido a alguns processos. Em primeiro lugar, é preciso que seja autorizado por avaliadores do MEC. Depois de certo tempo em vigor, a graduação precisa também ser reconhecida. Não para por aí: após conquistar esse reconhecimento, é preciso renová-lo a cada três anos.

Vale lembrar que além de submeter os cursos a essas etapas de validação, a instituição de ensino que os oferece também precisa ser reconhecida e credenciada pelo MEC. Além disso, se você está a procura de faculdades e já tem uma em mente, também é importante verificar quais são os resultados das avaliações dessa instituição.

As notas recebidas pelas faculdades são consequência de um importante processo de verificação e avaliação conduzido pelo Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes).

As principais formas de mensurar o desempenho dos alunos, dos cursos e das instituições são o Enade, o CPC e o IGC. Essas análises servem tanto como uma referência de qualidade para os estudantes, como um insumo para as instituições sobre o que precisam aprimorar ou manter.

Enade

O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) é um exame criado para medir o nível de conhecimento adquirido pelos alunos ao longo da graduação. Para isso, são selecionados dois grupos de alunos: um ingressando na faculdade e outro concluindo-a.

Calcula-se a média do desempenho desses estudantes e o número resultante é usado como base para calcular outro critério de avaliação operacionalizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o CPC.

Vale lembrar que essa avaliação funciona em forma de rodízio: a cada ano o teste contempla estudantes de diferentes áreas do conhecimento (no total, são 3 grupos). É por meio desse sistema que em três anos todos os cursos têm seus alunos avaliados.

CPC

O Conceito Preliminar de Curso (CPC) analisa a qualidade de um curso específico. Para isso, utiliza os resultados obtidos na avaliação mencionada anteriormente, o Enade. Também são levados em conta outros critérios de avaliação, como a infraestrutura da faculdade, seus educadores e funcionários e o nível de contentamento dos alunos.

O resultado da avaliação varia de 1 a 5. Os conceitos 1 e 2 são considerados insatisfatórios, logo, as faculdades que os obtiverem serão submetidas a uma visita do MEC. Já o conceito 3 é avaliado como regular. As instituições avaliadas com as notas 4 ou 5 podem se orgulhar do curso analisado: esses resultados são considerados excelentes.

IGC

Os resultados do CPC e, indiretamente, do Enade ajudam na construção do Índice Geral de Cursos (IGC). Essa avaliação é responsável pela análise de toda a instituição de ensino, não apenas dos seus cursos.

O cálculo é feito tendo como base o resultado dos três últimos CPC’s. Também são considerados fatores como: a avaliação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Nível Superior (Capes) e as vagas de graduação e pós-graduação preenchidas na faculdade.

Os possíveis resultados dessa avaliação são semelhantes aos da análise mencionada no tópico anterior, o CPC. As notas 1 e 2 são consideradas insatisfatórias, enquanto o conceito 3 é tido como regular. Por fim, a obtenção dos números 4 ou 5 representa a excelência alcançada.

Como ter acesso ao resultado das avaliações?

Agora que você conhece as principais formas de avaliação do MEC, é hora de saber como consultar o desempenho das instituições de ensino nessas análises. Fazendo isso, você poderá usar as notas obtidas como uma base para as suas escolhas a respeito de cursos e faculdades.

Você pode ter acesso aos resultados das várias edições do Enade entrando no site do Inep. No caso do CPC e do IGC, o melhor caminho para a consulta de desempenhos é navegar no Portal do e-MEC.

Como as avaliações funcionam no curso de Medicina?

As faculdades que possuem cursos de Medicina passam pelas mesmas avaliações apresentadas acima. No entanto, é importante ressaltar que critérios como a infraestrutura local são avaliados de forma rigorosa, uma vez que esse fator é essencial para a aprendizagem dos graduandos da área.

A presença e a conservação de laboratórios nas faculdades, por exemplo, são critérios importantes para a avaliação final do desempenho dos cursos na área da saúde. Isso acontece pois esses ambientes são fundamentais para complementar o processo de construção do conhecimento e preparar os alunos para o mundo profissional.

Qual a importância dos processos avaliativos?

Depois de acompanhar o texto, você provavelmente percebeu que um curso é submetido a avaliações desde o momento em que é criado. Como mencionado, esses processos são fundamentais pois funcionam como insumo para que as instituições de ensino saibam como podem se desenvolver e aprimorar seus cursos. As metodologias avaliativas também funcionam como guias durante a busca de estudantes recém-formados por um curso ou instituição.

Agora que você já conhece os critérios de avaliação do MEC (inclusive para as faculdades de Medicina) e entende a importância deles, que tal saber se há uma Nota mínima do Enem para entrar na faculdade: existe? Qual é?

Escrito por Redação Afya

    Banner_InfoEnem

    Categorias

    Veja todos